Museum

You love as if you were at a museum.

Carefully looking through the faces,

Walking silently through the spaces.

Always scared not to break anything.

Never sure if you’re what you’re supposed to be.

You make love as if your lover’s body

was a painting and you were a visitor.

Forbidden to stand too close.

Never allowed to touch.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s